domingo, 26 de outubro de 2008

A Esperança vem do alto: Homenagem à Rosinha, prefeita de Campos




Ninguém pode dizer "eu tenho esperança"!


Esperança não é próprio do ser humano. A Esperança, assim, como a Fé e o Amor (ou Caridade) são as chamadas virtudes teologais. São de Deus.


Homem algum pode ter Esperança por si mesmo.


Podemos exercitar a Esperança.


Podemos racionalizar a Esperança.


Podemos aprender a Esperança.


A Esperança se exercita, se aprende, sempre usando-se mais o cérebro que o coração, sempre mais o intelecto que o sentimento.


Uma das formas de se exercitar e aprender a Esperança, usando-se de nossa capacidade cognitiva, é viver dificuldades.


Todos que passamos, em algum momento de nossas vidas, privações, necessidades as mais diversas, abandono, esquecimento, dores, desapontamentos, traições, ingratidões, os vários tipos de perdas. Todas as vezes em que estas situações acima se prolongam por um tempo indeterminado, levando-nos ao abatimento e ao desânimo, que é "falta de alma", algo nasce dentro de nós.


Vindo de alguma instância desconhecida e imperscrutável, nasce no ser humano, nos seus piores dias a Esperança!


É por isso, que, socialmente falando, observando o estado de desalento e de desencanto ; de aparente desesperança e de apatia em que vive a nossa cidade; diante da falta de coragem e da falta de hombridade, da traição e do abandono, das perdas morais e das perdas econômicas, da opulência de poucos, tripudiando da carência de muitos...
...é por isso que diante desta realidade insustentável,
eu vivo aspirando a Esperança de Deus!


A ESPERANÇA É SEMPRE DO ALTO.


É de Deus!


Ao homem cabe pedir a Deus Esperança nos momentos de tribulação.


Campos vive uma de suas maiores tribulções. É um momento de extrema vergonha ser campista, em face dos descalabros vultuosos e amplamente divulgados, dos quais fomos, até certo ponto, quase todos somos culpados!


Mas a Espernça é um Dom e vem do alto. É uma dádiva e vem do Pai. É uma Graça e vem em benefício dos que a pedem. Individualmente e coletivamente.


Deus teve pena de Nínive. O povo de Nínive teve Esperança e não sofreu. As profecias feitas a respeito da destruição de Nínive não se cumpriram. Jonas ficou a princípio revoltado, pois tinha empenhado o seu nome nas profecias apocalípticas sobre a cidade de Nínive. E ele achava que tinha um nome a zelar, preferia que Deus destruisse Nínive para que sua profecia se cumprisse.


Mas os desígnios de Deus mudam!
Ele quer o bem.
Ele quer resgatar os filhos pródigos e não festejar os que ficaram.


E Nínive foi salva!


Eu sou campista e aspiro a salvação individual e coletiva de nosso povo.


Deus quer o bem de Campos.
Campos não tem carma, Campos tem promessa!


Campos não tem dívidas, tem um futuro.


Campos não tem uma história passada de malícia, mas de coragem e heroísmo. Deus quer Campos para Ele.
E, parafraseando Santo Agostinho, Deus que Criou o mundo sem Campos, não quer salvar o mundo sem Campos.


Eu não tenho Esperança. Não é da minha natureza.


Mas diariamente eu peço a Deus Esperança.
Diariamente eu peço a Deus esperança para o povo de Campos.

E agora peço Esperança para a nova Administração de Campos!

Um comentário:

geografblog disse...

Flavio,apesar de ser evangélica e não acreditar na questão do carma, etc, acredito piamente que Campos tem promessas e creio num tempo de mudança nessa cidade, a Bblia fala em joel, que se o posso do Senhor, orar e se humilhar, e buscar a Sua face, Ele ouviria do céu, perdoaria seus pecados e sararia sua terra.
Eu acreio nisso, independente de colorações religiosas devemos orar pela nossa cidade, pela nova autoridade constituída, pq a Biblia diz q toda autoridade constituída é constituida com a permissão dele. Até mesmo qndo temos um governante ruim... Ele quer nos ensinar algo com essas coisas.
MAs é isso peço a Deus um tempo de paz, não o do slogam do último governo, mas a paz de ver esperança nas pessoas e peço a Deus que dê sabedoria a Rosinha, pra ser sensível a voz de Deus e governar com justiça e serenidade.
É isso vamos orar, a oração é a maior força transformadora!
Jéssica Carvalho